Caetés, Capoeiras, e São Bento do Una estão entre os 61 municípios do Agreste em situação de emergência devido a seca

Decreto do governador Paulo Câmara, publicado no Diário Oficial do Estado nesta quarta-feira, 15/09/2021, reconhece situação de emergência em 61 municípios do Agreste de Pernambuco atingidos pela seca.

A previsão de redução das chuvas e diminuição das reservas hídricas, os impactos na agropecuária e a situação socioeconômica desfavorável na região estão entre as justificativas do governo para a inclusão dos municípios no decreto tem validade de 180 dias.

Em Pernambuco, dos 184 municípios, 116, estão em situação de emergência por causa da estiagem.

Durante a vigência da medida, as prefeituras e órgãos estaduais localizados nas áreas afetadas devem atura em conjunto, adotando as medidas necessárias para o enfrentamento da situação de emergência.

Lista dos municípios: 

Agrestina; Águas Belas; Alagoinha; Altinho; Angelim; Belo Jardim; Bezerros; Bom Conselho; Bom Jardim; Brejão; Buíque; Brejo da Madre de Deus; Cachoeirinha; Caetés; Calçado; Canhotinho; Capoeiras; Caruaru; Casinhas; Cumaru; Cupira; Feira Nova; Frei Miguelinho; Gravatá; Iati; Itaíba; Jataúba; João Alfredo; Jucati; Jupi; Jurema; Lajedo; Limoeiro; Orobó; Panelas; Paranatama; Passira; Pedra; Pesqueira; Poção; Riacho das Almas; Sairé; Salgadinho; Saloá; Sanharó; Santa Cruz do Capibaribe; Santa Maria do Cambucá; São Bento do Una; São Caetano; São João; São Joaquim do Monte; São Vicente Férrer; Surubim; Tacaimbó; Taquaritinga do Norte; Terezinha; Toritama; Tupanatinga; Venturosa; Vertente do Lério; Vertentes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *