Capoeiras e São João perderão agências do Banco Do Brasil

Dois municípios do Agreste Meridional, Capoeiras e São João, estão na lista dos que perderão agências do Banco do Brasil.

A imagem pode conter: céu e atividades ao ar livre

Serão transformadas em postos de atendimento, com menos funcionários e menor oferta de serviços. Mal comparado, é como um time de primeira divisão que vai ser rebaixado para a segundona. Banco do Brasil vai fechar 361 agências no país e demitir cinco mil funcionários.

Existe, porém, justificativa pra tudo e a direção da estatal dá a entender que a medida é necessária para o bem do país. Falam em adequação do BB ao novo perfil dos clientes, que depois da pandemia usam cada vez mais os aplicativos. O Banco do Brasil informa ainda que a medida vai possibilitar uma economia anual de R$ 353 milhões. Economia para tornar ainda mais difícil a vida do povo, não temos dúvida disso.  Parte da grande mídia, porém,  procura reforçar a versão enganosa – pra não dizer sacana – do governo. 

São João, Capoeiras e Sanharó vão contribuir com esse “esforço para salvar o Brasil”. Capoeiras corre o risco de perder em pouco tempo a agência do Banco do Brasil, que vai virar posto de atendimento,  e a comarca, que pelo projeto do Tribunal de Justiça de Pernambuco ficará sediada em Caetés.Mas as agências do BB não vão fechar ou virar posto de atendimento somente nas cidades pequenas. As capitais também serão atingidas, caso de João Pessoa e Recife.

Banco do Brasil foi fundado em 1808 e em mais de 200 anos enfrentou muita coisa. Parece, no entanto, que não sobreviverá à política do ministro Paulo Guedes. O Brasil está descendo a ladeira, como cantava o saudoso Moraes Moreira. Pior é que tem gente aplaudindo. 

Com informações Blog Roberto Almeida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *