Celpe oferece recompensa de R$ 100 mil por informações sobre acusado de matar eletricista da Celpe em Limoeiro

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) está oferecendo R$ 100 mil de recompensa para quem repassar informações que levem a polícia a identificar o assassino do eletricista Ejanilson Severino Batista, 39 anos, e a localização do foragido Sebastião Ayres de Assis Neto, conhecido como Neto Santos, acusado do assassinato do também eletricista José Reginaldo de Santana Júnior, 31 anos, em setembro de 2020. O prêmio inédito é o maior já oferecido no Estado para auxiliar na captura dos autores dos crimes. Em parceria com o Disque Denúncia, a Celpe, garante o anonimato do informante. Ejanilson foi executado, na última segunda-feira (7), dentro do carro da Celpe, enquanto se dirigia para a realização de mais uma inspeção. Segundo informações preliminares, os assassinos pararam ao lado do veículo e efetuaram diversos disparos.

“Não vamos descansar até encontrarmos os autores dos crimes cometidos contra nossos eletricistas. Estamos oferecendo a maior recompensa da história do Estado porque temos a convicção de que a sociedade está igualmente indignada e irá nos ajudar nessa luta contra a impunidade”, afirmou o presidente da Celpe, Saulo Cabral.

RELEMBRE AQUI O CASO;

Um eletricista identificado como José Reginaldo de Santana Júnior, de 31 anos, da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe), foi morto a tiros na tarde dessa terça-feira (29/09) ao tentar cortar a energia elétrica em uma fazenda em Limoeiro, no Agreste de Pernambuco.

Agreste em Alerta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *