Irmãs que moravam em estados diferentes morrem no mesmo dia, vítimas da Covid-19

Irmãs que moravam em estados diferentes morrem no mesmo dia, vítimas da  Covid-19 - ISTOÉ Independente

As irmãs Ivonete Peixoto do Nascimento Santos, de 60 anos, e Izolda Peixoto do Nascimento Pinheiro, de 51, receberam juntas o diagnóstico positivo para a Covid-19 e também compartilharam o mesmo dia de morte, mas em estados diferentes. Uma estava no Rio Grande do Norte, enquanto a outra no Ceará.

Parentes das irmãs contaram ao UOL que as notícias das mortes chegaram uma em seguida da outra, na última segunda-feira (24). “Muita coincidência. Elas em lugares diferentes e foram contagiadas na mesma época. A morte foi quase na mesma hora”, disse um sobrinho.

Segundo Airton Luz, as tias adoeceram há cerca de um mês. “Minha tia Izolda foi internada no Ceará depois que a saturação baixou. Antes, ela estava em casa mesmo, mas teve uma piora”, contou. “Muita gente da família pegou. Mas agora estão bem. Minha mãe teve, meu tio, meu irmão… Mas neles não foi grave”, acrescentou.

O Rio Grande do Norte contabiliza 5.849 mortes em decorrência do coronavírus desde o início da pandemia. No Ceará, os números de óbitos já alcançou 19.848.

IstoÉ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *