Primeiro caso do ano de homicídio é registrado, em Caetés

Crime ocorreu no final da tarde desta quarta-feira (06), no sítio Caldeirão do chapéu, zona rural de Caetés.

Um homem de 46 anos foi morto a tiros no final da tarde desta quarta-feira (06) no sítio Caldeirão do chapéu, zona rural de Caetés, de acordo com informações repassadas para a equipe do Caetés News, a vítima Edvaldo Amaro da Silva, estava em sua casa quando foi surpreendido por diversos tiros.

Informações não oficiais dão conta, que Edivaldo é suspeito de assassinar Roseilda Paes de Oliveira, de 38 anos, que estava grávida e desaparecida há três dias, em Caetés. A vítima foi encontrada morta degolada no dia 26 de dezembro de 2020. 

Após uma perícia realizada pelo Instituto de Criminalística IC, o corpo de Edvaldo deverá ser encaminhado para o IML de Caruaru. O caso será investigado pela polícia civil.

Com informações: Agreste em Alerta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *